Notícias  » Ouro

A soma agora é cinco!

           

Nois Que Soma derrota Catado, conquista seu quinto título e se torna o maior campeão da Série Ouro
O discurso estava afiado, a bola também. Após o desgosto da eliminação precoce no primeiro semestre, o Nois Que Soma veio com a faca nos dentes para reconquistar o título. A equipe do récem-chegado Bruno Bollito controlou a maior parte da partida e contou com um desempenho quase exemplar do sistema defensivo, que anulou as principais armas do Catado. No fim, a taça vai novamente à sala de troféus do NQS, que ultrapassa o CAV como maior vencedor da história da Série Ouro – 5 contra 4.
 
A saída foi do NQS, que tentou trocar passes mas logo foi apertado pelo Catado. Numa dividida com Rannyer, Tuco caiu sentindo o joelho e preocupou um pouco. Porém, levantou rápido e seguiu na partida. A primeira finalização foi de Gui Fernando pro Catado, mas saiu sem perigo.
 
O cenário do jogo ficou estabilizado com o Nois Que Soma tocando e o Catado esperando para dar o bote. Apesar disso, havia muita dificuldade para finalizar. Quando Felipinho tentou arriscar, Interior estava ali para bloqueá-lo. Tuco não conseguia dominar com liberdade pois sempre estava pressionado por Rannyer eou Murillinho. Do outro lado, Beleti e Luiz Minici também faziam uma dupla difícil de ser superada.
 
No sexto minuto de jogo, Beleti deixou com Luiz no campo de defesa e infiltrou por trás da marcação. Luiz deu um lançamento milimétrico, na cabeça do companheiro, na ponta da área praticamente pelo lado direito, que subiu e testou para o lado oposto, encobrindo João! Placar aberto e com um golaço! 1 x 0 NQS!
 
Era cedo, mas o Catado sentiu o gol que o obrigava a ter que abandonar o estilo de jogo proposto. Rannyer tentou chutar do meio da quadra, mas mandou pela linha lateral. O NQS continuou controlando mais a bola, mas sem sufocar o Catado. Já com 11 minutos, Andreas arrancou pela meia esquerda e foi fazendo fila até a área, mas acabou bem travado por Murillinho e Rannyer!
 
O Catado começou a querer jogar com a bola nos pés também mas pecava na movimentação ofensiva, quase nula. Ron pegou no meio e tentou jogar, mas ninguém apareceu. Perdeu a posse de bola e teve que correr atrás de Tuco, que arrancava no contragolpe. Cometeu falta que Paulinho cobrou na barreira.
 
Quem chegou forte outra vez foi o NQS. Tuco recebeu na frente e abriu com Murilo, que deixou de calcanhar para Paulo Netto. A jogada foi cair lá na ponta esquerda com Andreas, que ajeitou para trás. Tuco chegou batendo de esquerda mas mandou a quilômetros do gol! João precisou de um par de binóculos para ver a bola voando...
 
Novamente o Catado tentou chegar na troca de passes, mas a enfiada de Interior à frente foi bem interceptada por Paulo Netto. Pardal deixou atrás com Murillinho, que chutou de esquerda! A bola desviou em Luiz Minici e saiu por cima. Na cobrança, Bruno Venuto foi agarrado por Beleti na área! Os árbitros mandaram o jogo seguir e, na sequência, Rannyer chegou duro em Tuco! Falta e cartão para ele, que foi reclamar do lance anterior junto com os companheiros.
 
Após tempo técnico, Gui Fernando buscou arriscar de longe, mas mandou fora. O Nois Que Soma respondeu num contra-ataque veloz pela direita. Tuco cruzou e Murilo bateu pressionado por João. A bola passou, mas Interior estava lá para evitar o gol! João ainda precisou dividir no alto com Tuco e Pardal ficou com ela para aliviar de vez! Só que Paulo Netto recuperou a bola ainda no campo de ataque e ajeitou para Andreas bater com perigo! Passou pertinho do canto de João!
 
Beleti ficou com a bola no meio, tocou com Tuco e recebeu de volta na esquerda. Dali, bateu cruzado com força! João agarrou bem! Depois Paulo Netto abriu com Andreas na esquerda. Ele cortou pro meio e chutou rasteiro! Outra vez João caiu para defender! O Catado respondeu. Interior fez fila na frente e podia bater, mas cruzou para Murillinho mandar para fora de voleio!
 
Pouco depois Beleti chutou de longe, Pardal cortou, a bola subiu e Tuco pegou de primeira! Phil cortou! A partida ficou pegada. Paulo Netto pegou Interior por trás! O jogo seguiu. Ron puxou o contra-ataque, acabou perdendo. Até que Tuco cometeu falta em Phil! Após a marcação, o cartão amarelo foi aplicado a Paulo Netto pela entrada anterior em Interior.
 
No finalzinho da primeira etapa o Catado passou a dominar o controle de bola para buscar o empate. Bruno enfiou para Ron fazer o pivô. Na devolução, Bruno invadiu a área, driblou Tinho mas bateu para fora! Acertou o lado de fora da trave! Que chance perdida! De longe, Levy tentou ampliar! A bola passou perto, mas o placar seguiu em 1 x 0 rumo ao intervalo!
 
A primeira grande oportunidade do segundo tempo foi do NQS. Paulinho tocou para Neres na área, que ajeitou de volta. PV então chutou de esquerda, cruzado, rasteiro, tirando tinta da trave! Paulo Netto arriscou depois, com desvio, e ganhou corner. Tinho finalmente teve que aparecer para o jogo. Drinho recebeu no lado esquerdo e soltou uma bomba de canhota! O goleirão fez o que dele se espera e espalmou para longe o chute!
 
Tuco arrancava pela esquerda quando foi puxado por Drinho! Amarelo para ele! Na cobrança, Paulo Netto chutou forte, na direção de Rubão, que em vez de cabecear desviou da bola! Andreas recebeu na esquerda cercado por Luanzinho e Pardal, mas mesmo assim fez fila, levou para a linha de fundo, foi apertado por Rannyer e fechado por João, mas conseguiu cruzar! A sorte do Catado é que Murillinho ficou com a bola e afastou dali. Beleti seguia muito firme na marcação, mas também arriscava das suas. Ele finalizou do meio da quadra, mas João encaixou firme.
 
O Catado saía no contragolpe com Gui Fernando e Pardal, mas Luiz fez o desarme e aí ficou no quatro contra dois. Rubão foi o escolhido e recebeu na direita, de onde chutou bem cruzado, mas João caiu para fazer uma grande defesa! A bola passava por baixo dele que conseguiu abrir o braço de última hora para agarrar!
 
A pressão do NQS no campo de ataque impedia o Catado de avançar. Paulinho roubou na esquerda e chutou prensado! Luiz ficou com a bola e abriu para a passagem do próprio Paulinho na esquerda. Rubão passou no meio e recebeu, chutando cruzado, mas escorregou também e o corte foi feito por Interior! Dali o próprio Interior puxou o contra-ataque e recebeu em velocidade na frente! Andreas chegou por trás, com o braço na nuca do adversário! Falta! Drinho cobrou com veneno, mas Tinho fez outra grande defesa! Na cobrança do escanteio, Interior desviou de cabeça para trás e Luanzinho pegou voleio que resvalou no travessão! A bola não queria entrar! Quase saiu o empate!
 
Após retorno do tempo técnico, Ron arrancou pela direita e mais uma vez Beleti foi firme no jogo de corpo e afastou para a lateral. Paulo Netto também ia bem. Primeiro desarmou Ron na área. Depois cortou a sobra de Gui Fernando! Andreas arrancou pelo meio, fez a jogada com Paulo Netto na esquerda, depois tabelou com Rubão e fez a bola chegar em Murilo na direita, que cruzou nas mãos de João!
 
Interior recebeu na esquerda e cortou para o meio buscando espaço para finalizar. Outra vez Beleti foi firme no jogo de corpo e ganhou a bola de forma limpa. Depois Beleti arrancou e foi derrubado por Ron! Amarelo para o camisa 30 do Catado! Na cobrança, Paulo Netto abriu para Beleti chutar colocado! João voou e fez outra importante defesa!
 
 Andreas abriu para Tuco na esquerda, mas outra vez João foi preciso na pressão e bloqueou o cruzamento do atacante! Pouco depois Drinho recebeu na direita e tentou cavar uma falta. Os árbitros não caíram na dele e Murilo fez o desarme. Andreas puxou pelo meio e tocou em Murilo na esquerda. Tuco se aproximou e fez o passe para Andreas, sozinho na área, dominar e tocar na saída de João! Gol da taça e gol da artilharia! 13 vezes Andreas! 2 x 0!
 
O Catado se viu obrigado a pedir tempo técnico logo na sequência. Tinha cinco minutos para buscar pelo menos dois gols e levar o jogo para a prorrogação. Ron tentou arrancar pela direita, mas foi empurrado por Tuco! Os árbitros esperaram para dar vantagem, mas marcaram a falta. A quinta do NQS no segundo tempo! Agora a tensão ficou maior.
 
Em volume, o Catado conseguia rondar a área do Nois Que Soma, mas entrar ali era difícil. Interior cruzou, mas Beleti cortou. Depois Interior de novo tentou cruzar pelo alto. Tinho foi seguro e o time armou o contragolpe. Paulo Netto chegou na frente e chutou pertinho da meta defendida por João!
Interior seguia buscando as jogadas pelo Catado. Cruzou outra vez, mas Beleti amorteceu antes que Gui Fernando completasse! Tinho ficou com ela. Só que não dava para dar o NQS por ofensivamente morto ainda. Andreas cortou para o meio e chutou forte! João demonstrou muito reflexo e evitou mais um do artilheiro!
 
Já no finzinho, Gui Fernando dominou e Beleti pressionou por trás, mas os árbitros entenderam que foi falta do defensor! A sexta! Shoot out para o Catado! Interior foi para a cobrança, driblou Tinho, mas foi atropelado por Beleti, que veio com tudo para impedir o gol de honra do Catado! Pênalti e amarelo para o camisa 3 do NQS! Na cobrança, Interior deslocou Tinho e fez! 1 x 2!
 
Assim que foi dada a saída, o jogo terminou e o NQS comemorou! Cinco vezes Nois Que Soma! A equipe teve a melhor campanha da primeira fase e venceu os três jogos que fez no mata-mata. Andreas também foi coroado o artilheiro do torneio com 13 gols. O Nois Que Soma foi indiscutivelmente o melhor time do torneio e conquistou uma taça merecidíssima.
 
O Catado também demonstrou qualidade e fez uma campanha de recuperação a ser reconhecida. Após quase ficar fora na primeira fase, a equipe conseguiu fazer grandes jogos na fase final e foram merecedores da vaga na finalíssima. Destaque para João e Murillinho, com participações decisivas durante toda a campanha.
 
Ficha técnica
 
Nois Que Soma 2 x 1 Catado – Final do XXVI Chuteira de Ouro
 
Gols: Beleti e Andreas (NQS); Interior (C)
 
Cartões amarelos: Beleti e Kinho (NQS); Rannyer, Murillinho e Drinho (C)
 
MVPs: 1 – Beleti (Nois Que Soma); 2 – Paulo Netto (Nois Que Soma); 3 – João (Catado)

Comentários

Total (0)